Mauricio Bezerra: CRM publica nota de esclarecimento

09/10/2010 às 10:47 | Publicado em justiça | 6 Comentários
Tags: , , , , , , , , , ,

O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DO PARÁ VEM ESCLARECER E CONTESTAR O SEGUINTE:

1- EM NENHUM MOMENTO, O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DO PARÁ CONTESTOU A DECISÃO JUDICIAL PROFERIDA PELA JUÍZA DA VARA DE CRIMES CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES, DRA. MARIA DAS GRAÇAS ALFAIA, QUE CONDENOU O MÉDICO MAURÍCIO BEZERRA – ATUAL PRESIDENTE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DO PARÁ A 2 ANOS E 9 MESES EM REGIME SEMI-ABERTO.

2- A PRESIDENTE DO CRM, DRA. FÁTIMA COUCEIRO E O CORREGEDOR DO CONSELHO, DR. ARISTÓTELES MIRANDA, DEIXARAM CLARO PARA OS JORNALISTAS DURANTE ENTREVISTA DESTA QUARTA-FEIRA, 6, QUE A JUSTIÇA E O CRM SÃO ESFERAS DIFERENTES, JULGAM DIFERENTES E NENHUM ÓRGÃO INTERFERE NO TRABALHO DO OUTRO.

3- EM 2000, O CRM ABRIU UMA SINDICÂNCIA PARA APURAR OS FATOS. NÃO TENDO SIDO ENCONTRADO NENHUM FATO QUE COMPROVASSE QUE O MÉDICO MAURÍCIO BEZERRA TIVESSE INFRIGIDO O CÓDIGO DE ÉTICA MÉDICA, OS CONSELHEIROS DECIDIRAM ARQUIVAR A SINDICÂNCIA EM 2001.

4- A ÉPOCA, O DR. MAURÍCIO BEZERRA FOI OUVIDO PELO CONSELHO DE MEDICINA DO ESTADO DO PARÁ, E ASSIM COMO EM TODOS OS CASOS, TODO O MÉDICO DENUNCIADO TEM O DIREITO A DEFESA – DIREITO CONSTITUCIONAL.

5- O CRM SOUBE DA CONDENAÇÃO DO MÉDICO VIA IMPRENSA. E NÃO SABE O TEOR DA SENTENÇA JUDICIAL.

6- AGINDO DE BOA FÉ, O CRM DO PARÁ QUIS APENAS ESCLARECER À SOCIEDADE O PROCEDIMENTO QUE TOMOU SOBE ESTE CASO.

7- VALE RESSALTAR QUE, TODAS AS DENÚNCIAS QUE CHEGAM AO CONSELHO SÃO APURADAS COM ÉTICA E SERIEDADE. RESPEITANDO ACIMA DE TUDO, O PRINCIPIO DA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA.

8- TODO O PROCESSO NO CRM SEGUE EM SIGILO ABSOLUTO, DE ACORDO COM A LEGISLAÇÃO PERTINENTE.

 

BELÉM (PA), 07 DE OUTUBRO DE 2010

 

DRA. MARIA DE FÁTIMA GUIMARÃES COUCEIRO

PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DO PARÁ

Anúncios

6 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Li a denuncia feita pelo promotor, no blog do Barata, e postei meu comentario.
    Nao por coincidencia esse blogueiro ja tinha postado anteriormente materia contra o colega, na minha opiniao, parcial e com matizes de coisa pessoal.
    O proprio texto do promotor e bem claro. A historia do caso, descrita na peca, inocenta o Mauricio.Como cirurgiao estou acostumado a tratar de casos assim.
    Acho muito perigoso que pessoas sem conhecimento de causa tenham o poder de condenar um profissional e expor alguem dessa maneira.
    Isso pode se tornar um precedente muito serio. No dia que for estabelecido cancelo minha inscricao no CRM e vou criar cabras, cultivar rosas, enfim, fazer qualquer coisa para ficar fora do alcance de pessoas desse tipo.
    Na minha opiniao tem muita coisa por tras disso tudo, pessoas querendo se aproveitar dos sentimentos da familia para tirar proveito proprio.

    • Venturieri,
      Realmente nunca saberemos o que está por trás da ação do Promotor. Mauricio é um homem público. Dirige a Santa Casa. Vem a tono, em plena campanha eleitoral, uma condenação de um processo de 10 anos atrás! No mínimo, esquisito. Na verdade, me parece que tem política nisso. Não tenho nenhum elemento para a firmar isso. É só a conjuntura que me faz pensar isso. Por outro lado, é um risco que todos nós médicos, mas, particularmente, os cirurgiões estão susceptíveis. As pessoas que podem se aproveitar são os maus advogados. Induzem as famílias a requererem em juízo supostos direitos.

  2. De fato é muito perigoso permitirmos que aproveitadores usem médicos, no exercício de função pública, para macular a imagem destes profissionais no exercício da atividade clínica. Como diretor do sindicato dos médicos, cuja função institucional é defender o médico, no sentido mais amplo da palavra, repilo perempitoriamente esta prática.

  3. Quero manifestar minha solidariedade ao Mauricio, já fomos colegas de trabalho e de curso. Durante o tempo em que estudamos, debatíamos naquela altura melhores condições de trabalho aos profissionais de Saúde, diminuição de carga horária, e nossa TESE no final do Curso da Especialização foi sobre o Serviço medico no interior do Pará, no qual apontávamos o quanto nosso estado é carente do profissional medico e do quanto a capital e a Santa Casa que hoje Mauricio dirige é super lotada para atender o Pará e outros Estados. minha solidariedade e força a esse companheiro. E que pode contar comigo nessa caminhada.

  4. Mauricio, eu como medica e principalmente sua amiga, escrevo estas palavras para demonstrar minha indignaçao com a atitude tomada pelos representantes da justiça e pelo posicionamento tendencioso a imprensa que esta usando de meios deploraveis para obter seus objetivos nefastos e repudiosos. Eu profissionalmente sou conhecedora de sua capacidade e competencia, porem como pessoa conheço e sei do dom que voce carrega para exercer a nossa tao amada profiçao. Portanto, espero que este evento de sua vida apenas sirva para aumentar sua força, fe e que ao dar a volta por cima voce mostre a sociedade o quanto e honrado e apaixonado pela medicina. Quem lhe conhece sabe, VOCE NASCEU PARA SALVAR VIDAS NAO PARA TIRA-LAS. Conte com os amigos e tenha fe em Deus.
    Att. Dra. Fatima Martins

    • * correçao: Profissao


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: